O menino do pijama listrado - John Boyne

john boyne

O Menino do Pijama Listrado

Autor: John Boyne

  • Editora: Companhia das Letras
  • Número de páginas: 200
  • Avaliação  (de 1 a 5): 5!!
  • Comprar: Submarino / Saraiva

Bruno é um garoto de nove anos que, após a visita do “Fúria”, (superior de seu pai), descobre que vai se mudar, e isso o deixa extremamente triste, pois ele ficará longe dos seus três melhores amigos e dos avós. Mas mesmo odiando tudo isso, ele e a família se mudam para um lugar chamado “Haja – vista”, devido ao emprego de seu pai, e lá, Bruno se depara com uma casa menor que a sua, sem seu corrimão que é maravilhoso para escorregar e completamente sozinho. Ele tem Gretel , sua irmã, mas ela é mais velha e eles estão sempre implicando um com o outro.

"O corrimão era a melhor coisa da casa - além do fato de vovô e vovó morarem tão perto -, e quando pensou nisso ele se perguntou se eles também viriam até o emprego novo e acreditou que sim, pois seria impossível deixá-los para trás. Ninguém precisava muito de Gretel, porque ela era um Caso Perdido - seria bem mais fácil se ela ficasse para tomar conta da casa -, mas vovô e vovó? Aí já era outra história."

Quando Bruno olha pela janela do seu novo quarto, descobre que do outro lado da cerca, existem milhares de pessoas muito magras e de pijamas listrados, mesmo sem entender, ele vai até lá explorar e começa uma amizade com Shmuel, um judeu que nasceu no mesmo dia que Bruno, e mesmo com a cerca que os separa e não os deixa brincar, nasce uma amizade muito bonita entre eles.
O que Bruno desconhece completamente é que seu pai é um oficial nazista, subordinado direto de Hitler, e eles estão próximos ao campo de concentração de Aushwitz, e Shmuel e todos que estão do outro lado da cerca são alvos do extermínio de Adolf Hitler.


 "...quando perguntaram a Bruno o que seu pai fazia, ele abriu a boca para dizer-lhes e então percebeu que ele próprio não sabia. Só era capaz de dizer que seu pai era um homem para ser observado e que o Fúria tinha grandes planos para ele. Ah, e que ele também tinha um uniforme fantástico."

O Menino do Pijama Listrado é um livro lindo, engraçado e comovente. É difícil descrever um livro como esse, que mostra a inocência e a beleza da infância em meio a tanta violência e sofrimento, me diverti com a maneira que Bruno fala da sua irmã mais velha e em como ela é um "caso perdido". 

John construiu o universo de Bruno maravilhosamente bem, onde vemos o Holocausto pelos olhos de uma criança, o nazista Führer passa a ser o Fúria e o campo de Aushwitz, vira Haja –Vista. 

Na trama, os mundos distintos de Bruno e Shmuel se juntam e a amizade que é construída é pura e bela. É emocionante, mas as lágrimas que rolaram valem a pena. 

Dou nota máxima, pois não achei nenhum ponto negativo, a leitura é gostosa e a história é muito bem contada. Recomendo muito!

Leiam O Menino do Pijama Listrado e se encantem com a magia da infância narrada em uma época sombria.


"A infância é medida por sons, aromas e visões, antes que o tempo obscuro da razão se expanda."

12 comentários:

  1. deve realmente ser fascinante ler sobre tudo isso pelos olhos de uma criança. Eu sempre gosto de ler livros relacionados á 2º guerra, são sempre ótimos livros. (:

    Quero muito ler esse livro! Ótima resenha *-*

    Bj;*
    Naty.

    ResponderExcluir
  2. Lara já li esse livro e também amei, na realidade ele só perde para A Menina que Roubava Livros, que é um pouco mais intenso mas tirando isso é perfeito. A adaptação também é muito bonita, por isso se ainda não assistiu, assista!
    Ótima resenha.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Nossa, o seu blog vem só com resenha de livros MARAAA, este livro é sensacional, inesquecível apesar de muito triste. Ele foi impactante para mim.

    Vanessa - Balaio

    ResponderExcluir
  4. ai, ai...eu ainda não li...mas tenho muuuita vontade!! Bks

    ResponderExcluir
  5. sempre quis ler este livro, ainda mais agora sabendo que o personagem tem o nome do meu esposo...rs
    ótima resenha.
    Bjos

    Jack
    www.mybooklit.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Tenho muita vontade de ler este livro. A capa não é nada bonita, mas....
    Gostei da resenha! *.*

    http://pollymomentos.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Oi Lara!
    Não gosto muito de ler livros sobre guerras, mas acho que leria esse por ser sobre dois meninos. Deve mostrar um ponto de vista diferente.
    Tem um filme desse livro, né? Queria assistir.
    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  8. Eu ainda não li esse livro, mas todos dizem que é ótimo. Só vi o filme, e me emocionei bastante.
    Realmente, a história é linda.

    Um beijo,
    Luara - @luuara
    http://estantevertical.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. Nossa eu to doida pra ler esse livro, ele faz parte do meu DL2012,mas tenho que aguardar até o mês correto para ler. Bjos.

    http://leiturasdepaty.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. *Aline, ainda não assisti, não quero chorar, hehehe.

    *Pollyana eu achei a capa bem bonitinha, ela é feita com um material diferente, achei bem bonita mesmo. Mas não julgue pela capa, uauahuahuah.

    *Sora tem filme sim, mas ainda não assisti!!

    beijoooos a todas e obrigada pelos comentários!!!!

    ResponderExcluir
  11. Já li e assisti duas vezes ao filme, é uma história emocionante! Vale a pena conferir!

    http://www.daniela-meucantinholiterario.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  12. Eu tenho tanta vontade de ler esse livro! Só ouço coisas boas vindo dele e holocausto é um tema que me atrai. Ainda não vi o filme porque quero primeiro ler o livro (dizem que é mais emocionante). Ótima resenha! Bjsss

    ResponderExcluir